Maia rebate Bolsonaro e diz que país 'não tem tempo a perder' com retóricas golpistas

Pelo Twitter, o democrata afirmou ser uma “crueldade imperdoável”
pregar uma ruptura democrática em meio às mortes da pandemia da Covid-19

20/04/2020 – 08:15 | Por Metro1 

Previous
Next

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), manifestou repúdio à manifestação em apoio a uma intervenção militar no Brasil, ocorrida ontem (19), que contou com a participação do presidente Jair Bolsonaro (Sem partido). Pelo Twitter, o democrata afirmou ser uma “crueldade imperdoável” pregar uma ruptura democrática em meio às mortes da pandemia da Covid-19. Ele citou os dados de mortes em decorrência do coronavírus no país.

De acordo com o Ministério da Saúde, foram confirmados mais de 38 mil casos e quase 2.5 mil mortes.

 “O mundo inteiro está unido contra o coronavírus. No Brasil, temos de lutar contra o corona e o vírus do autoritarismo. É mais trabalhoso, mas venceremos”, escreveu Maia. “Em nome da Câmara dos Deputados, repudio todo e qualquer ato que defenda a ditadura, atentando contra a Constituição”, acrescentou.

“Não temos tempo a perder com retóricas golpistas. É urgente continuar ajudando os mais pobres, os que estão doentes esperando tratamento em UTIs e trabalhar para manter os empregos. Não há caminho fora da democracia”, declarou o presidente da Câmara. 

 

Rodrigo Maia
 

O mundo inteiro está unido contra o coronavírus. No Brasil, temos de lutar contra o corona e o vírus do autoritarismo. É mais trabalhoso, mas venceremos. Em nome da Câmara dos Deputados, repudio todo e qualquer ato que defenda a ditadura, atentando contra a Constituição.

 
 

 

 

Márcio Brito

Márcio Brito

Designer gráfico DaQui agência Digital e colaborador Mundial fm 91.3

Share on facebook
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email
Traduzir »
Falar com o Locutor!
Posso Ajudar?
Olá Somos da Mundial FM 91.3, Vamos Interagir?
Enable Notifications    OK No thanks