Cobertura pode solucionar problemas dos orgânicos
27/01/2020 11:02 em Agronegócio

A utilização de culturas de cobertura pode solucionar o problema da erosão que é um dos efeitos colaterais da agricultura orgânica de larga escala. O preparo do solo o “quebra” para matar ervas daninhas e se preparar para o plantio, mas a lavoura intensa pode compactar-lo, causar erosão e esgotar os nutrientes. 

 

 

As culturas de cobertura são plantadas após a colheita como uma planta intermediária. As culturas de cobertura melhoram o solo com raízes vivas que o protegem da erosão e adicionam nutrientes. As culturas de cobertura geralmente são aradas, mas outra opção é achata-la para formar uma espécie de tapete grosso. Eles fazem isso com uma prensa de rolos: um tambor pesado e rolante conectado a um trator. 

 

 

Em seguida, o agricultor usa uma semeadora de plantio direto para plantar sementes no tapete achatado para a próxima temporada. A nova colheita cresce através do resíduo da cobertura vegetal, o que ajuda a suprimir as ervas daninhas. 

Esse método, chamado plantio direto rotativo orgânico, com base em culturas de cobertura, permite que os agricultores pulem o preparo e a remoção de ervas daninhas da primavera. Simplesmente achatando uma cultura de cobertura, os agricultores não precisam alterar o solo para obter uma nova cultura.  

o entanto, como muitas práticas agrícolas, esse método tem compensação. Por exemplo, se você a achatar tarde demais, a cobertura vegetal poderá produzir sementes. O resultado é uma colheita de cobertura voluntária ou de ervas daninhas que concorre com a colheita comercial na próxima temporada. E se você achatar a planta de cobertura muito cedo, ela poderá voltar a crescer. 

Fonte:Agrolink

 

 

COMENTÁRIOS