Polícia chega a um veredito final sobre a morte de Tom Veiga, o ‘Louro José’; VEJA

Nove meses após a morte de Tom Veiga, intérprete do personagem Louro José, aos 47 anos, a Polícia Civil divulgou o laudo final sobre o caso. O ator foi encontrado morto em sua casa, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, em novembro de 2020.

Desde então, a polícia investigava o caso após acusações e denúncias sobre as causas do óbito.

Conforme já havia sido apontado incialmente em laudo do Instituto de Medicina Legal (IML), Tom Veiga faleceu devido a um acidente vascular cerebral (AVC), causado por um aneurisma cerebral. Todas as características da morte de Tom Veiga levam à conclusão que aconteceu de forma natural, sem intervenções externas, segundo nota enviada ao F5.

Com a conclusão, a polícia solicitou o arquivamento para o Ministério Público. Ainda segundo a polícia, os elementos foram obtidos a partir de novas testemunhas e exames de laudos periciais. “As investigações apontaram que não há elementos informativos que indiquem causa violenta, incluindo os resultados de perícia de local e de exame cadavérico”, conta o boletim.

Morte e suspeita de envenenamento

Familiares do ator Tom Veiga suspeitaram que o intérprete do Louro José tivesse sido envenenamento. Segundo uma fonte do jornalista Leo Dias, um amigo de Tom soube que ele queria retirar Cybelle Hermínio, ex-esposa, do testamento três dias antes da sua morte.

Terra Brasil Notícias

Marcio Brito

Marcio Brito

Assessoria | DaQui Agência Digital
Share on facebook
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email

Relacionados

SIGA-NOS NAS MÍDIAS SOCIAIS
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Traduzir »
Falar com o Locutor!
Posso Ajudar?
Olá Somos da Mundial FM 91.3, Vamos Interagir?

--:--
--:--
  • cover
    Mundial 91.3
Enable Notifications    OK No thanks