Site de esquerda diz que Rui “age como um fascista” ao criminalizar paredões

O governador Rui Costa (PT) sofreu fortes críticas nesta quinta-feira (20) por ter recomendado a criminalização dos chamados paredões durante a pandemia de Covid-19 na Bahia. O site de esquerda “Diário da Causa Operária” afirmou que “o governador Rui Costa, embora represente um partido de esquerda, age como um verdadeiro fascista ao sugerir o enquadramento em crime de saúde pública de jovens que realizem essas festas”.

A reportagem destacou a fala de Rui sobre a festa: “Veículo será apreendido e feito o enquadramento dos seus proprietários junto à delegacia como crime. Além dos aspectos das multas de trânsito, das multas de som, será aberto procedimento criminal para essas pessoas”.

ACM Neto também é criticado por ter concordado com o governador e pontuado que a PM deveria coibir os movimentos da periferia.

Márcio Brito

Márcio Brito

Designer gráfico DaQui agência Digital e colaborador Mundial fm 91.3

Share on facebook
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email

Deixe um comentário

Leia também em cidades

Traduzir »
Falar com o Locutor!
Posso Ajudar?
Olá Somos da Mundial FM 91.3, Vamos Interagir?
Enable Notifications    OK No thanks