Na ONU, Bolsonaro acusa imprensa de desinformação sobre situação ambiental

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta terça-feira (22) que o Brasil é “vítima” de uma campanha “brutal” de desinformação sobre a Amazônia e o Pantanal. A declaração foi dada em discurso na Assembleia das Nações Unidas (ONU), através de um vídeo gravado. Por causa da pandemia do novo coronavírus, a reunião deste ano ocorreu de forma virtual. De acordo com Bolsonaro, o Brasil tem a “melhor legislação” sobre o meio ambiente do mundo e respeita as regras de preservação da natureza. Para o presidente, a riqueza da Amazônia é alvo de cobiça, e por isso gera as críticas que o país sofre na área ambiental.

Ele ainda afirmou que entidades brasileiras “impatrióticas” estariam se unindo à instituições internacionais para prejudicar o país.

“Mesmo assim, somos vítimas de uma das mais brutais campanhas de desinformação sobre a Amazônia e o Pantanal. A Amazônia brasileira é sabidamente riquíssima, isso explica o apoio de instituições internacionais a essa campanha escorada em interesses escusos que se unem a associações brasileiras, aproveitadoras e impatrióticas, com o objetivo de prejudicar o governo e o próprio Brasil”, disse Bolsonaro.

A maneira como o atual governo vem lidando com a questão ambiental vem sendo um dos pontos mais criticados pela comunidade internacional. Desde 2019, entidades, países e personalidades questionam as políticas da gestão de Bolsonaro para o meio ambiente.

Márcio Brito

Márcio Brito

Designer gráfico DaQui agência Digital e colaborador Mundial fm 91.3

Share on facebook
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email

Deixe um comentário

Traduzir »
Falar com o Locutor!
Posso Ajudar?
Olá Somos da Mundial FM 91.3, Vamos Interagir?
Enable Notifications    OK No thanks