Governo de Bolsonaro quer que Teich participe de investigação da OMS

O governo de Jar Bolsonaro quer que o ex-ministro da Saúde Nelson Teich se torne membro de um comitê independente que investigará a Organização Mundial da Saúde (OMS) e seu desempenho na pandemia. No entanto, como Chile, Peru ou México, os países candidatos também enfrentam uma competição acirrada com outros nomes da região, e organizações latino-americanas também expressaram resistência ao nome proposto pelo Brasil.

A informação é do jornalista Jamil Chad em seu blog no UOL.

Segundo a publicação, uma investigação sobre as ações da OMS diante de uma pandemia é uma das exigências do governo dos Estados Unidos. 

A organização selecionou pessoas para liderar o processo de independência há um mês: a ex-primeira-ministra da Nova Zelândia Helen Clark e a ex-presidente da Libéria Ellen Johnson Sirleaf. No entanto, eles receberão algum tipo de comissão, e Teich foi indicado para esse grupo. 

Teich é o chefe do Ministério da Saúde, com mandato de apenas 29 dias, onde acolhe as recomendações de agências internacionais.

Márcio Brito

Márcio Brito

Designer gráfico DaQui agência Digital e colaborador Mundial fm 91.3

Share on facebook
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email

Deixe um comentário

Leia também em cidades

Traduzir »
Falar com o Locutor!
Posso Ajudar?
Olá Somos da Mundial FM 91.3, Vamos Interagir?
Enable Notifications    OK No thanks