TCE: Fundação José Silveira reteve R$ 30 milhões de contratos com o Estado em 2018

Uma auditoria do Tribunal de Contas do Estado (TCE) colocou a Fundação José Silveira no centro de um escândalo que envolve cifras milionárias na manhã desta terça-feira (11). A informação foi divulgada na coluna "Satélite" do jornal Correio hoje.

Um relatório divulgado pelo TCE na semana passada mostrou que a fundação manteve ilegalmente um contrato de 30 milhões de reais com o governo estadual em 2018 para administrar unidades médicas.
O valor é de 13% dos 235 reais firmados com o estado em 2018. O recurso deveria ter sido utilizado para custear despesas sociais, mas não é o caso.

Um trecho do relatório afirma: “Como o valor arrecadado pela fundação não inclui as reservas legalmente exigidas e as taxas sociais cobradas, o preço é alto de 30,5 milhões de reais”.
De acordo com as expressões culturais tradicionais, este pagamento inclui a parte relativa aos impostos e taxas sobre a folha de pagamento, mas para o pessoal técnico do órgão de controle, a Fundação José Silvera recebeu este pagamento e o manteve ilegalmente O valor devido. Impostos e vários impostos foram pagos ao tesouro nacional, especialmente os pagamentos de previdência social.
Até o momento, a Fundação José Silvera não se manifestou. Após a conclusão, a história será atualizada.

Márcio Brito

Márcio Brito

Designer gráfico DaQui agência Digital e colaborador Mundial fm 91.3

Share on facebook
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email

Deixe um comentário

Traduzir »
Falar com o Locutor!
Posso Ajudar?
Olá Somos da Mundial FM 91.3, Vamos Interagir?
Enable Notifications    OK No thanks